segunda-feira, 5 de abril de 2010

Projeto “Educando para a Vida” é retomado nas escolas municipais

Projeto “Educando para a Vida” é retomado nas escolas municipais. Voltado ao atendimento de alunos de 4ªs séries das escolas municipais, projeto tem como meta orientação e prevenção contra o uso de drogas

A Guarda Civil Municipal, em parceria com a Secretaria Municipal da Educação e Associação Nacional de Prevenção ao Uso de Drogas (ANPUAD), deu início nesta semana, dia 30 de março, ao projeto “Educando para a Vida”, nas escolas municipais: Dom Luiz do Amaral Mousinho (127 alunos), Alfeu Gasparini (227 alunos), Neuza Michelutti Marzola (90 alunos), Elisa Duboc Garcia (70 alunos) e João Gilberto Sampaio (70 alunos). No total, 584 alunos serão atendidos neste semestre.
O Programa “Educando para a Vida”, é voltado para alunos de 4ªs séries, visando à prevenção ao uso e abuso de drogas e da violência, tendo como prioridades a valorização do aluno, pais e professores, bem como realçar os valores humanos e sociais. Implantado pela Guarda Civil Municipal nas Escolas da Rede Municipal de Ensino, no ano de 2003, o programa já atendeu 9.146 alunos, sendo realizado pelos Agentes de Prevenção - Guardas Municipais Fortuna, Mendes, Lino e Normando.
Segundo André Luiz Tavares, superintendente da Guarda Civil Municipal, as aulas acontecem uma vez por semana, nos períodos da manhã e tarde, em cada escola durante dois meses e motivando os alunos a terem valores sociais e familiares. “Também se estimula a autoestima, valorização de vínculos afetivos, valores éticos e convívio social. A meta é educar o aluno e torná-lo apto a identificar ações problemáticas; ampliando a capacidade de refletir e agir com autonomia, de acordo com a teoria cognitivista, somando esforços com as unidades escolares municipais na formação de cidadãos dignos”, completa André.
A Guarda Civil Municipal informa que as escolas municipais interessadas em receber o projeto “Educando para a Vida” devem fazer agendamento pelo telefone 36324747, falar com a Diretora Operacional, Lidiana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário