sexta-feira, 24 de junho de 2011

Seção Pense Nisso: ACREDITAR

ACREDITAR


“Creio em mim mesmo.
Creio nos que trabalham comigo, creio nos meus amigos e creio na minha família.
Creio que Deus me emprestará tudo que necessito para triunfar,
Contanto
Que eu me esforce para alcançar com meios lícitos e honestos.
Creio nas orações e nunca fecharei meus olhos para dormir, sem pedir antes a devida orientação a fim de ser paciente com os outros e tolerante com os que não acreditam com o que eu acredito.
Creio que o triunfo é resultado de esforço inteligente, que não depende da sorte, da magia, de amigos, companheiros duvidosos ou de meu chefe.
Creio que tirarei da vida exatamente o que nela colocar.
Serei cauteloso quando tratar com os outros, como quero que eles sejam comigo.
Não caluniarei aqueles que não gosto.
Não diminuirei meu trabalho por ver que os outros o fazem.
Prestarei o melhor serviço de que sou capaz, porque jurei a mim mesmo triunfar na vida, e sei que o triunfo é sempre resultado do esforço consciente e eficaz”

(Mahatma Gandhi)

V Baile dos Guardas Civis Municipais em Ribeirão Preto

A FESTA DA FAMÍLIA AZUL MARINHO!!!

Durante todo ano estamos juntos prestando serviços a comunidade e muitas vezes arriscando a própria vida para cumprir nossa honrossa missão. Passamos por momentos de dificuldades, mas também há momentos de felicidades. Ser Guarda Civil Municipal é algo que muito nos honra, pois nos possibilita servir ao próximo e contribuir por um mundo mais seguro.

Vamos celebrar o Dia do Guarda Civil Municipal e nossas conquistas em família. Participem do Baile dos Guardas Civis Municipais e faça parte desta bela história que juntos estamos construindo!

Dia: 24 de setembro de 2011 (sábado)
Local: Ipanema Clube Salão VIP- (Ribeirão Preto)

Horário: a partir das 23 h
Preço Individual: R$ 50,00 (incluso buffet e bebidas à vontade)

Banda: Matéria Prima
Convites:
RH Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto (16) 3632 4747
CMT GCM André Tavares - (16) 9154 6086

PARTICIPEM!!!

III Fórum Paulista de Segurança Municipal em Cordeirópolis

OBJETIVOS

• Discutir os instrumentos de mobilização da comunidade para a sua segurança;


• Esclarecer a sociedade civil como surgiram e do que vem a ser Guarda Municipal;

• Difundir entre os organismos representativos da sociedade os principais conceitos que norteiam a eficácia dos serviços de uma Guarda Municipal e sua relação com o aparelho policial em vigor apresentandoalternativas para Policiamento Comunitário;

• Discutir suas formas de atuação e as vantagens da municipalidade em criá-las;

• Apresentar soluções para evolução de suas atividades e harmonia nas relações com as demais instituições de segurança pública através de projetos de lei e medidas governamentais;

• Levantar as alternativas de planejamento e execução da segurança municipal.



Realização: Prefeitura de Cordeirópolis/SP Secretaria Municipal de Segurança/Guarda Municipal


Promoção e Organização: Instituto IPECS de Segurança Municipal


Parceria Institucional: União Nacional dos Guardas Civis Municipais (UNGCM)



Local: Câmara Municipal de Cordeirópolis – Rua Adhemar B. de Barros, n.° 999 Jardin Jaffet

PROGRAMAÇÃO GERAL

DIA 28 DE JUNHO DE 2011 – TERÇA FEIRA (*PRÉ-PROGRAMAÇÃO DO FÓRUM)


Cursos IPECS/ CESDH Destinados a Gestores da Área De Segurança Pública Municipal


9h00 - CURSO 1: POLÍTICAS DE RECURSOS HUMANOS, CULTURA ORGANIZACIONAL E GESTÃO DE PESSOAS NAS AGÊNCIAS MUNICIPAIS DE SEGURANÇA

Professores Convidados: Dr. Prof. João Alexandre dos Santos (Diretor do Centro de Estudos em Segurança e Dir. Humanos CESDH); Dr. Osmar Ventris (Secretario Geral do Instituto IPECS de Segurança Municipal)

Cursos IPECS/ ABRAPAM Destinados a Operadores da Área de Segurança Pública Municipal

14h00 - CURSO 2: DEFESA PESSOAL URBANA EM CONTRA TERRORISMO

Professores Convidados: Carlos Gomes (Diretor da ABRAPAM Treinamentos Urbanos Avançados)


16h00 - ENCONTRO REGIONAL DE SECRETÁRIOS E GESTORES MUNICIPAIS DE SEGURANÇA

Local: Câmara Municipal de Cordeirópolis – Rua Adhemar B. de Barros, n.° 999 Jardin Jaffet
DIA 29 DE JUNHO DE 2011 (SEXTA FEIRA) - PROGRAMAÇÃO OFICIAL DO FÓRUM PAULISTA

7h30 – Credenciamento e welcome coffee

8h30 – Composição da Mesa

9h30 – Painel: Programas Federais de Apoio as Políticas Municipais de Segurança Pública:

14h00 – Lei 10.826 (Estatuto do Desarmamento) mitos e verdades sobre o porte de armas para as Guardas Municipais

Palestrante: André Tavares (CMT GCM Ribeirão Preto/SP)

15h30 – A Regulamentação das Guardas Municipais Frente ao Atual Cenário Político Nacional

17h00 – Composição da Mesa de Encerramento / Apresentação e leitura do documento firmado durante o Fórum / Considerações Finais.

17h30 – Término

Bases da Guarda Civil Municipal são postos de arrecadação da Campanha do Agasalho

Prefeitura lança Campanha do Agasalho 2011 com meta de arrecadar 170 mil peças, campanha segue até o dia 31 de julho


Todas as Bases da Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto são postos de arrecadação:

- Base da GCM (Vl Seixas): Rua Lafaiete, 1676

- Cabine do Calçadão

- Base Bonfim Paulista

- Base Sudeste (Jd Roberto Benedetti "Bancários")


Participem!!! “Aqueça seu Coração com Solidariedade”

Com o slogan “Aqueça seu Coração com Solidariedade”, a Campanha do Agasalho 2011, realizada pela Prefeitura Municipal, por meio do Fundo Social de Solidariedade, foi lançada oficialmente na manhã desta sexta-feira, dia 29, no Salão Nobre, da Prefeitura Municipal. Durante a cerimônia, que contou com a presença da prefeita Dárcy Vera, a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Mara Regina Canheo Pereira, vereadores, parceiros e autoridades envolvidas na campanha, foi divulgada a meta de arrecadação de 170 mil peças, superando os números de anos anteriores.
A campanha, que segue até o dia 31 de julho, deve beneficiar um número maior de pessoas que se encontram em situação de fragilidade social, como explica a prefeita Dárcy Vera. “É um grande trabalho desenvolvido com muito empenho pelo Fundo Social, em parceria com a iniciativa privada, poderes públicos e sociedade civil que tem garantido a cada ano, surpreendentes resultados. No início dos trabalhos, parecíamos ter números distantes e difíceis de alcançar, mas que se transformaram em marcos na história da cidade, possibilitando um atendimento nunca realizado antes”, lembrou a prefeita, destacando diversos projetos desenvolvidos pelo órgão, considerados modelos pelo Fussesp (Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo).

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Prefeitura reativa subsede da Guarda Civil Municipal para atender cerca de 80 mil moradores da região Sudeste

Iniciativa integra programa de descentralização da corporação e terá ronda cidadã durante 24 horas


Ronda cidadã e democrática: prefeita Dárcy Vera ao anunciar a volta das atividades 24 horas na sede da Guarda Civil Municipal no conjunto Roberto Benedetti


Segurança cidadã, ágil e descentralizada. Assim irá atuar o efetivo da Guarda Municipal de Ribeirão Preto, que retomou nesta quarta-feira, dia 22, as atividades na subsede da corporação que há mais de sete anos estava fechada, no Jardim Roberto Benedetti (Bancários), localizada na região Sudeste da cidade. O equipamento, que já está funcionando, terá uma viatura e cer ca de 12 guardas para atender também o Jardim Manoel Penna, São José, Recreio Anhanguera e Recreio das Acácias.
A solenidade de reativação do posto, que recebeu uma série de melhorias, foi acompanhada pela prefeita de Ribeirão Preto, Dárcy Vera, pelo vice- prefeito Marinho Sampaio, André Luiz Tavares, superintendente da Guarda Municipal, secretários, vereadores, e diversas lideranças comunitárias dos cinco bairros que comemoraram a volta das atividades da subsede, já que a localidade tem sido alvo de muitos assaltos em residências.

“Estamos efetivando o projeto determinado pela prefeita, que descentraliza as ações e torna a guarda ainda mais próxima da comunidade”, diz André Tavares, superintendente da Guarda Municipal


De acordo com André Tavares, essa iniciativa atende a uma determinação da prefeita em promover uma guarda cidadã e próxima da comunidade. “Essa é nossa segunda base. A primeira já atende o distrito de Bonfim Paulista. Nossa função precípua é cuidar dos prédios públicos, mas a presença dos guardas municipais certamente já inibe a ação de criminosos e colabora para a manutenção da paz social. Para nós é muito bom atender a tantas solicitações para a volta do funcionamento da base dos Bancários”, explicou Tavares.
Ele destacou ainda que a base funcionará 24 horas revezando até 12 guardas. Temos uma boa estrutura para trabalhar, pois nesta região existem muitos equipamentos municipais, como postos de saúde, creches, escolas e centros comunitários”, emenda o superintendente da Guarda Municipal. A presidente da Associação dos Moradores dos Bancários, Maristela Bueno, disse que a comunidade estava feliz com a inauguração da base.
“Estamos vivendo um sonho. Agradeço a prefeita Dárcy Vera e o André Tavares, que tiveram um olhar social para o nosso bairro e região. Essa retomada nos dará mais tranqüilidade. Já perdemos a conta do quanto pedimos a volta da base da Guarda Municipal. Foram muitos e-mails, ofícios, audiências e a prefeita concretizou o que nos prometeu”, disse Maristela solicitando, na oportunidade, um espaço para alguma atividade que atenda os idosos da localidade. Outra representante da associação, Maria de Lourdes Vitta, acrescentou que essa era um dos maiores anseios dos Bancários.


Vivendo um sonho: Maristela Bueno, presidente da Associação dos Moradores do conjunto Roberto Benedetti:“ Estamos realizados. A administração teve um importante olhar social para nós”
“Sempre achamos que era possível retomar as atividades da base e sempre lutamos por isso. Hoje estamos muito contentes com atitude da administração”, emenda Vitta. O radialista Rene Andrade, liderança comunitária do Complexo Sudeste salientou: “Essa data será marcante para a história do bairro e da região Sudeste. A volta do funcionamento da base da guarda é uma felicidade. Há anos reivindicamos isso sem sucesso. Agora vamos parar de reclamar”.
Representando a Câmara Municipal, o vereadorBertinho Scandiuzzi acompanha essa reivindicação dos moradores do conjunto há anos. “Para mim é também um dia especial. O pedido tantas vezes ouvido virou realidade. Agradeço o comprometimento da prefeita com a segurança destes bairros. Também comemoro essa reativação”, disse o vereador.
O vice-prefeito Marinho Sampaio lembrou que os guardas municipais também desenvolvem importante trabalho em Bonfim Paulista. “A primeira base do projeto de descentralização dá bons resultados na área de segurança, pois leva tranqüilidade para moradores e comerciantes e aqui será assim”, avalia Marinho. A prefeita Dárcy Vera lembrou que recentemente recebeu as representantes da Associação de Moradores pedindo que a administração priorizasse a volta da subsede da Guarda Municipal.


“Essa data será marcante para a história do bairro e da região Sudeste”, diz o radialista e morador do São José, Renê Andrade

“Eu disse que faríamos isso e hoje estamos efetivando essa solicitação, que era tão esperada pela população desses bairros. A atuação da corporação vai beneficiar mais de 80 mil pessoas e será um auxílio ao cidadão como forma de estreitar o relacionamento entre a comunidade e a Guarda Municipal. Nossa intenção é realizar esse trabalho em outras regiões”, informou a prefeita.
Na oportunidade ela também comentou que esta abrindo mais de 9 mil novas vagas em escolas municipais e, por conta disso, precisará de mais guardas municipais. Por isso já autorizou a abertura de concurso público para este semestre. “Chamei todos os concursados. Coisa que não era feita há oito anos. E vou precisar de mais 45 guardas, daí a abertura do concurso para atender as nove escolas que vamos entregar” finalizou a prefeita, elogiando as lideranças comunitárias que tanto atuaram para a reabertura da sede a guarda no conjunto Roberto Benedetti.

A prefeita Dárcy Vera, o vice-prefeito Marinho Sampaio, André Tavares, superintendente da Guarda Municipal, autoridades e lideranças comunitárias descerram a placa da subsede dos Bancários Efetivo da Guarda Municipal de Ribeirão Preto durante o evento de reativação da subsede


Instalações da sede da Guarda Municipal, nos Bancários

Vídeo: Comandante GCM André Tavares na Inauguração da Base comunitária Sudeste

Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto e Secretaria do Meio Ambiente reafirmam parceria para fiscalização ambiental

Objetivo é uma ação conjunta voltada à preservação do meio ambiente

Meio Ambiente e Guarda Municipal reuniram-se esta semana para reafirmar parceria

Uma reunião entre a Guarda Civil Municipal e a Secretaria do Meio Ambiente, realizada nesta terça-feira, dia 21, resultou em estreitamento na parceria que visa a elaboração de um plano de ação conjunta para a preservação ambiental e patrulhamento ambiental.
De acordo com a secretária do Meio Ambiente, Mariel Silvestre, esta parceria é necessária para que o trabalho de preservação seja efetivo. “A Guarda Municipal é primordial para exercer a rotina fiscalizadora ambiental. ”, ressaltou.
Segundo André Luiz Tavares, superintendente da Guarda, a parceria prevê o patrulhamento nas áreas de preservação e atuação da Guarda Municipal nos parques da cidade.
Mariel Silvestre afirma que este trabalho tem em vista às necessidades do município. “Para isso a Guarda Municipal nos ajudará no mapeamento dos ambientes públicos que necessitam de revitalização ambiental, fornecendo um relatório de cada espaço”, disse.
Segundo André Tavares, até o final de julho, será promovido um treinamento dos guardas civis municipais e funcionários da secretaria do Meio Ambiente voltado ao patrulhamento ambiental.

GCM ANDRÉ TAVARES APRESENTA TRABALHO DE CONCLUSÃO DA PÓS GRADUAÇÃO EM GERENTE DE CIDADES NA FAAP

GCM André Tavares durante a apresentação do TCC


No dia 04 de junho de 2011, no auditório da Fundação Armando Alvares Penteado - FAAP, o Comandante da Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto GCM André Tavares apresentou o Trabalho de Conclusão de Curso da Pós Graduação em Gerente de Cidades, realizado na FAAP no período de 2009 e 2010. O Tema defendido foi "A Importância de Planos Preventivos de Defesa Civil nos Municípios" e a Banca Examinadora composta pelo Prof. Mestre Mário Pascarelli Filho, Professora Irene Álvaro Pinheiro e Professor Thomáz Perianhes Júnior após ouvirem a exposição durante 20 minutos e sabatinarem o graduando deliberaram pela aprovação e concederam-lhe nota 9,0.


"Sinto me honrado e realizado por concluir mais esta etapa em meu processo de aperfeiçoamento intelectual. A pós graduação em Gerente de Cidades me deu uma visão ampla sobre a Administração Pública Municipal e me capacitou a entender e elaborar projetos de políticas públicas municipais nas mais diversas áreas, sejam elas, segurança, educação, saúde, habitação, assistência social, esporte, cultura, financeira, transporte, meio ambiente, turismo", afirma GCM André Tavares.




Resumo do Trabalho de Conclusão de Curso - TCC


A Importância de Planos Preventivos de Defesa Civil nos Municipios


As constantes intervenções do homem no meio ambiente tem resultado em agressões à natureza com conseqüentes alterações das condições climáticas, por exemplo, o aquecimento global, fruto da irresponsabilidade humana, tem resultado em chuvas mais intensas em diversas localidades do Mundo provocando severas inundações. Em outras regiões tem agravado o estado de desertificação, bem como as geleiras no oceano Ártico tendem a desaparecer aumentando o nível dos mares. Aliado a isto vemos também o crescimento desordenado das cidades, com diversas famílias morando em áreas de alto risco, tais como, morros, encostas e margem de rios e córregos.

Diante disto, cada vez mais, vemos acontecer grandes desastres naturais vitimando fatalmente milhares de pessoas, causando danos ambientais, sociais e grandes prejuízos financeiros à população e às municipalidades. “Em 2010, desastres naturais mataram pelo menos 234 mil pessoas e afetaram quase outras 200 milhões no mundo”
[1]. Portanto, se faz imprescindível a elaboração de um Plano Preventivo de Defesa Civil, capaz de estabelecer obras e ações necessárias para evitar ou minimizar danos decorrentes dessas intempéries da natureza, bem como traçar diretrizes de atuação das Coordenadorias de Defesa Civil dos Municípios, de modo que as ações de prevenção, assistência, socorro e reparação em casos de desastres sejam imediatas e eficazes.
[1] REVISTA SUPER INTERESSANTE. A Fúria da Natureza. São Paulo. Edição 290. Abril de 2011. pag. 57.

Objetivos da Pós graduação em Gerente de Cidade



Dotar os discentes de conhecimentos e instrumentais de ponta de forma a torná-los mais eficazes na gestão pública dos recursos econômico-financeiros, com vistas a tornar a atuação pública municipal social e economicamente mais efetiva. Propiciar a capacitação dos participantes por meio da dotação das ferramentas e técnicas econômico-financeiras de última geração para o domínio específico e holístico da gestão pública municipal, requeridas para o estabelecimento de políticas públicas que propiciem a melhor utilização dos recursos macroeconômicos alocados.


Dirigido a:
Profissionais graduados que tenham de forma direta e/ou indireta ligações com a administração pública.


Conteúdo:
Módulo I
- Atendimento ao Cidadão Cliente
- Comunicação na Administração Pública
- Contabilidade e Controladoria Municipal
- Criatividade/Empreendedorismo
- Economia Nacional e Internacional
- Fontes de Recursos Econômicos Municipais
- Formação Gerencial
- Gestão Municipal Empreendedora
- Governo Eletrônico
- Lei de Responsabilidade na Gestão Fiscal
- Marketing Público
- Metodologia Científica I
- Orçamento Municipal
- Pensamento Estratégico Brasileiro
- Qualidade Total na Administração Pública
- Recursos Humanos Municipais

Módulo II
- Cidadania, Terceiro Setor e Responsabilidade Social
- Ciência Política
- Direito Administrativo
- Direito Ambiental
- Direito Constitucional
- Direito Eleitoral
- Direito Municipal – Lei de Responsabilidade Fiscal
- Direito Tributário
- Ética e Governo Municipal
- Gênero e Políticas Sociais
- Metodologia Científica II
- Reforma de Estado em Nível Local

Módulo III
- Arquitetura e Urbanismo
- Avaliação de Políticas Públicas
- Desenvolvimento Econômico Local Sustentável
- Estatuto da Cidade
- Geoprocessamento e Políticas Públicas
- Gestão de Ambiental
- Planejamento Estratégico Municipal
- Plano Diretor Municipal
- Metodologia Científica III

Módulo IV
- Política de Desenvolvimento e Assistência Social
- Política de Desenvolvimento Regional e Metropolitano
- Política Habitacional
- Política Municipal de Abastecimento e Agronegócio
- Política Municipal de Cultura
- Política Municipal de Educação
- Política Municipal de Saúde
- Política Municipal de Segurança
- Política Municipal de Transporte
- Política Municipal de Turismo, Esporte e Lazer
- Metodologia Científica IV

Guarda Civil Municipal garante a segurança no Pedala Ribeirão

Pedala Ribeirão reuniu no domingo ciclistas de todas as idades


Evento, que integrou calendário do 155º aniversário da cidade, arrecadou 190 quilos de alimentos que foram doados ao Fundo Social de Solidariedade Equipe da GCM que trabalhou no evento: Simões, Damasceno, Adalberto, Antônia, André Tavares, Hilário, Leandro, Santos e Ciro

Organizado pela Prefeitura Municipal, por meio das secretarias da Cultura, Esportes e apoio da Transerp, Guarda Civil Municipal, Polícia Militar a 4ª edição do passeio ciclístico Pedala Ribeirão, foi realizada neste domingo, dia 19. O evento reuniu aproximadamente 700 ciclistas de todas as idades.
A concentração e saída dos ciclistas foram no Parque Municipal Luiz Carlos Raya, no Jardim Botânico, e a chegada foi no Parque Maurílio Biagi.


O trajeto foi do Parque Municipal Luiz Carlos Raya, no Jardim Botânico até o Parque Maurílio Biagi


Os participantes doaram 190 quilos de alimentos não perecíveis, que foram doados ao Fundo Social de Solidariedade. O órgão utilizará os produtos na confecção de cestas básicas, para posterior distribuição a entidades cadastradas, ONGs, famílias em situação de vulnerabilidade social ou casos emergenciais.
Participaram pessoas de todas as idades. O comboio de ciclistas foi animado com trio elétrico e trenzinho durante o percurso de cerca de 5km.
Na área do Parque aconteceram diversas programações e atividades. Além do sorteio de brindes, foi realizado um espetáculo infantil, intervenções circenses, pintura facial para crianças, atividades recreativas e brincadeiras.
CMT GCM André Tavares e GCM 1ª Classe Hilário à frente dos ciclista

quinta-feira, 16 de junho de 2011

7ª Reunião Regional entre Comandantes de Guardas Municipais define criação de Associação

Comandante da Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto André Tavares é eleito Presidente da Associação dos Guardas Civis Municipais do Interior de São Paulo Comandante GCM André Tavares conduzindo os trabalhos na 7º Reunião de Comandantes de Guardas Civis Municipais do Interior de são Paulo

A Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto participou, na última quarta-feira, dia 15 de junho, da 7ª Reunião Regional entre Comandantes de Guardas Civis Municipais. O evento, realizado no Auditório da Prefeitura Municipal de Sertãozinho, objetivou ouvir sugestões e propostas dos comandos dos municípios da região para a definição, em âmbito Federal, das atribuições da Guarda Civil Municipal, aprovação do Estatuto e criação da Associação dos Guardas Civis Municipais do Interior de São Paulo e ainda divulgação do Baile dos Guardas Civis Municipais, que acontecerá em Ribeirão Preto no dia 24 de setembro de 2011.
Representando Ribeirão Preto estavam o Comandante da Guarda Civil Municipal, André Tavares; a Diretora Operacional Lidiana Standoro; o Chefe de Habilitação e Treinamento da GCM Jeferson Matiello; e o GCM 1ª Classe Ricardo Margon. Entre as autoridades estavam também o prefeito de Sertãozinho, Nério Costa; o secretário de governo José André Roberto Mazer, e ainda do presidente da União Nacional de Guardas Civis Municipais, Maurício Vilar.
Segundo André Luiz Tavares, Comandante da Guarda Civil Municipal, este encontro mais uma vez registrou um momento muito importante para as Guardas Civis Municipais do Interior de São Paulo. “Hoje nasce uma nova entidade que tem por finalidade promover a união e trocas de experiências entre as corporações, defender direitos e lutar por novas conquistas. Também visa promover a confraternização e lazer aos guardas civis municipais, bem como garantir a excelência dos serviços prestados pelas GCMs" explica André Tavares.
“Ter sido eleito o presidente da Associação dos Guardas Civis Municipais do Interior de São Paulo é uma grande honra e me sinto motivado com mais esse desafio. Defender uma causa em que acredito me proporciona enorme prazer e prometo não medir esforços para atender todos os anseios da categoria”, observa Tavares.

Este evento é uma continuidade da iniciativa da Guarda Municipal de Ribeirão Preto, que organizou e sediou, em fevereiro de 2010, a 1ª Reunião de Comandantes, inclusive com a participação da Prefeita Dárcy Vera.
Além de Ribeirão Preto e Sertãozinho, mais 15 municípios participaram deste encontro, entre eles Araraquara, Ibaté, Monte Azul Paulista, Vista Alegre do Alto, Serrana, Catanduva, Bebedouro, Taiaçu, Guaíra, Monte Alto, Jandira, Santa Cruz das Palmeiras, Paulínia, São José do Rio Preto e Barueri.
GCM´s eleitos da Diretoria, Conselhos Deliberativos e Fiscal da Associação dos Guardas Civis Municipais do Interior de São Paulo


Diretoria


Presidente: André Luiz Tavares (GCM Ribeirão Preto)



Vice-Presidente: Luis Roberto Cardoso (GCM Bebedouro)



1ª Secretária: Lucilane Turcato (GCM Ribeirão Preto)



2º Secretário: Amarildo Aparecido dos Santos (GCM Guaíra)



1º Tesoureiro: Hélio Montani Carlos (GCM Catanduva)



2º Tesoureiro: Vanderlei Calderan (GCM Catanduva)



Conselho Deliberativo



Gilberto Luiz Goulart (GCM Monte Alto)



Umberto Coelho da Silva (GCM Sertãozinho)



Fabiano Luiz Sanches (GCM São José do Rio Preto)



Sérgio Gonçalves (GCM Bebedouro)



Jefferson Matiello (GCM Ribeirão Preto)



Fabiana de Moura Valverde (Santa Cruz das Palmeiras)



Conselho Fiscal



Lázaro Jácomo Rodrigues (GCM Monte Azul Paulista)



Cinira Martins (GCM São José do Rio Preto)



Everaldo Ferreira (GCM Ibaté)



Rafael Aparecido de Souza (GCM Araraquara)



Miguel Dutra (GCM Serrana)



Egmar de Jesus Augusto (GCM Sertãozinho)

Guarda Civil Municipal promove reuniões para avaliação dos 30 meses de atuação da corporação

Além da avaliação, os guardas civis municipais também abordaram planejamento das ações futuras direcionadas ao governo e a sociedade em geral

Guardas Civis Municipais durante reunião que abordou a avaliação dos 30 meses de atuação da corporação, conquistas e realizações,

bem como o planejamento das ações futuras

Com o objetivo de avaliar os 30 meses de atuação da corporação, bem como de discutir as conquistas e melhorias da categoria e ainda de planejar as ações futuras, a Guarda Civil Municipal promoveu nesta terça-feira, dia 14 de junho, em sua base, três reuniões, realizadas em três turmas, divididas nos períodos da manhã, tarde e noite.
Segundo André Luís Tavares, superintendente da Guarda Civil Municipal, esse trabalho, direcionado aos 230 membros da corporação, consiste num processo de aperfeiçoamento e adequação das ações realizadas. “É uma oportunidade dos guardas analisarem erros e acertos, discutirem o dia-a-dia dos profissionais nas ruas e darem novas sugestões. Além disso, as reuniões também foram direcionadas ao planejamento conjunto do futuro trabalho dos efetivos junto ao governo e a sociedade em geral”, explica Tavares.
As reuniões recebem continuidade na próxima quinta-feira, dia 16 de junho, com a realização de mais duas turmas, uma no período da manhã e outra à tarde.
Trabalho reconhecido - O trabalho realizado pela Guarda Civil de Ribeirão Preto vem sendo exemplo em toda a região, pela eficiência, qualidade e comprometimento com a defesa do patrimônio público e segurança da população.
Conquistas - Durante os 30 meses da atual administração, muitas ações diferenciam o cotidiano da GCM e recebem apoio do Governo Municipal, entre elas: a ampliação do efetivo da corporação com a contratação de 43 GCMs (aumento de 25% do efetivo), nomeações de GCMs para os cargos de Comando, aquisição de quatro novas viaturas (2 Blazers e 2 Gols), realização de projetos junto às unidades escolares, capacitações, realização de Curso de Qualificação de todo o efetivo com a Academia de Polícia Civil do Estado de São Paulo, implantação da filosofia do patrulhamento comunitário para estabelecer vínculo de confiança com a população, reimplantação do patrulhamento ciclístico e motociclístico, implantação de monitoramento eletrônico nas Unidades Distritais de Saúde (UBDS), implantação do Sistema Infoseg em parceria com o Ministério da Justiça, implantação de Monitoramento Eletrônico das UBDSs no cruzamento das avenidas Francisco Junqueira e Jerônimo Gonçalves, aquisições de 70 armas semiautomáticas PT 380, Curso de Habilitação e Manuseio para armas semiautomáticas PT 380 ministrado pela Polícia Federal; inauguração da Base Comunitária de Bonfim Paulista; inauguração da Central de Comunicações e Monitoramento – CECOM; reformas das salas da Divisão Operacional, entregas de novos uniformes e coturnos para todo o efetivo, aquisições de coletes à prova de balas (23 já entregues e 191 já licitados e aguardando a entrega pela empresa vencedora da licitação), aquisições de três ventiladores e cinco microondas para os Parques Públicos e Bases Comunitárias, melhorias na Base GCM; ampliação do circuito interno de monitoramento da Base GCM, entre outros.
Recentes melhorias anunciadas pela prefeita Dárcy Vera para a Guarda Civil Municipal – Regulamentação da carga horária em 36 horas semanais (antes eram 40 horas), a aquisição de quatro novas viaturas (sendo um veículo pick-up para a Patrulha Ambiental e Defesa Civil, um veículo de médio porte para patrulhamento, e duas motos), a inauguração da Base Comunitária do Bairro Jardim Benedetti (Bancários), e a realização de mais um Curso de Qualificação para todo efetivo durante o segundo semestre de 2011.


Fonte: http://www.ribeiraopreto.sp.gov.br/ccs/snoticias/i33principal.php?id=18719

CMT GCM André Tavares ministrou aula aos novos GCM´s de Bebedouro

Família Azul Marinho não pára de crescer!

Desta vez são mais 40 integrantes na GCM de Bebedouro

Conhecimento – O comandante da GCM de Ribeirão Preto, André Tavares, ministrou aulas para os novos gcms de Bebedouro. Quase no fim as sessões de treinamento dos 40 novos guardas civis municipais de Bebedouro, que há algumas semanas vêm sendo submetidos a aulas teóricas (palestras) e práticas que visam prepará-los para assumir suas funções na corporação.
O comandante da GCM de Ribeirão Preto, André Tavares, na quinta-feira (12/5), abordou temas como interação entre gcms, troca de experiências com outras corporações, importância do trabalho para o município e a população e a metodologia aplicada no seu município.


"É sempre muito gratificante poder colaborar para a formação de novos GCM´s e saber que a Família Azul Marinho cresce a cada dia e quem ganha com isso é a população dos municípios que passam a ter mais segurança e os bens públicos preservados", afirma André Tavares.

Comandante GCM André Tavares palestrou no Fórum Fluminense de Segurança Pública Municipal

O CMT GCM André Tavares discorreu sobre o Estatuto do Desarmamento (Lei 10.826) - "Mitos e Verdades sobre o Porte de Arma para as Guardas Municipais"


Da esquerda p/ direita: Inspetor GCM Alves (RJ), CMT GCM André Tavares (Ribeirão Preto) e GCM Villar (Presidente da UNGCM)


No dia 8 de abril, estiveram presentes as Guardas Municipais de Rio de Janeiro, Cachoeiros de Macacu-RJ; Rio Bonito-RJ, Itaboraí-RJ, Campos de Goytacazes-RJ, São João do Meriti-RJ, Cardoso Moreira-RJ, São Francisco de Itabapoana-RJ, São Fidelis-RJ, Mangaratiba-RJ, Conceição de Macabu-RJ, São João da Barra-RJ, Arraial do Cabo-RJ, Búzios–RJ, Macaé, Ribeirão Preto-SP, São Paulo-SP e Santos-SP.
A Regulamentação das Guardas Municipais Frente ao Atual Cenário Político Nacional foi o primeiro tema a ser discutido. Dr. Alexandre enfatizou a necessidade da união e luta pela identidade do Guarda Municipal, e apresentou proposta de criar câmaras setoriais de segurança pública para atender esta demanda. Já Sérgio França ressaltou a importância de sensibilizar o Governo Federal em ouvir e aceitar a participação dos municípios na concepção de segurança pública para o país.
França defendeu, ainda, a importância da aprovação da regulamentação da atividade profissional das Guardas, ao invés de defender uma PEC que dificilmente será aprovada. Ao final do debate, foi apresentado a PROPOSTA de encaminhamento, sugerindo ao governo a apresentação de uma Medida Provisória ao invés de priorizar a aprovação da PEC 534.

Na parte da tarde, as duas mesas previstas foram unificadas, visando otimizar os trabalhos (Lei 10.826 -Estatuto do Desarmamento - “mitos e verdades sobre o porte de armas para as Guardas Municipais” e a Gestão de Competências e Remuneração Estratégica nas Guardas Municipais). André Tavares falou sobre os caminhos técnicos, burocráticos, jurídicos e políticos a serem percorridos para armar uma guarda municipal, inclusive nos municípios com menos de cinqüenta mil habitantes. O Comandante André Tavares falou ainda da responsabilidade nesta decisão e na importância de observar rigorosamente a lei e os critérios de treinamento e controle das armas nas guardas.

O GCM Maurício Vilar destacou a responsabilidade do Estado perante a ocorrência na escola do Rio de Janeiro, e das instituições em qualificar os integrantes das Guardas para andarem armados. Já a necessidade do plano de carreia, e os obstáculos a serem vencidos para conquista deste benefício, foi destacada pelo GM coordenador de Macaé, José Carlos Moreira França.

Tatiana Teixeira Mendes Pereira Rodrigues tratou do tema gestão de competências e remuneração estratégica nas Guardas Municipais. Ela destacou que cada município deve instrumentalizar sua guarda de forma a atender eficazmente suas demandas, e optar por armá-la ou não.

Ao final do dia, foram deliberados que os municípios deverão apoiar ações de integração entre as Secretarias Municipais de Segurança e Guardas Municipais, pela Regulamentação da atividade Institucional das Guardas; rejeitar qualquer proposta que venha a limitar os benéficos da futura lei de regulamentação à municípios; organizar o Estado e a região para participar do FORUM NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA MUNICIPAL; e encaminhar o teor desta deliberação aos integrantes do CONGRESSO NACIONAL e Secretaria Nacional de Segurança Pública, registrando a lamentável ausência da Secretaria Nacional Regina Mikki.


GCM´s durante as atividades do Fórum

CMT GCM André Tavares palestrou no Fórum Intermunicipal de GCM's em São Bernardo do Campo

O Fórum reuniu Guardas Civis Municipais do ABCD Paulista e debateu a União e Integração das Corporações GCM´s, Movimentos Sociais e Regulamentação das Atividades das GCM´s


GCM André Tavares discursando para os GCM´s


No dia 02 de abril de 2011, na Câmara Municipal de São Bernardo do Campo, guardas civis municipais se reuniram para debaterem e promoverem a união da categoria em prol do crescimento das Instituiçoes GCM´s e o aperfeiçoamento dos serviços prestados à população.


"Sinto me muito lisonjeado por ter sido convidado para realizar uma palestra aos Irmãos do ABCD Paulista contando a experiência da Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto e também ressaltando a forma como se desenvolveu a União das GCM´s do Interior de São Paulo. Sei também que temos muito a aprender com as GCM´s da Grande São Paulo, que figuram entre as melhores do país", afirma o Comandante GCM André Tavares.


Na oportunidade representaram a Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto o Comandante GCM André Tavares, o Chefe Operacional GCM Elias e os GCM´s 1ª Classe Margon e Leandro.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Defesa Civil de Ribeirão Preto em Ação

Prefeitura monta força tarefa após vendaval

A força dos ventos chegou a 98 km/h na cidade. Mais de 70 chamados foram feitos entre Defesa Civil e Corpo de Bombeiros

A Prefeitura de Ribeirão Preto montou uma força tarefa nesta quinta-feira, 9 de junho, após a chuva e o forte vendaval que atingiram a cidade no início da tarde. A força dos ventos chegou a 98 km/h.
Defesa Civil, Coordenadoria de Limpeza Urbana, Guarda Civil Municipal, Transerp, empresa que gerencia o trânsito e transporte público de Ribeirão Preto, e Corpo de Bombeiros, trabalharam em conjunto.
A ocorrência mais comum registrada foi a queda de galhos e árvores em vias públicas, dificultando o trânsito de pedestres e veículos. Guarda Civil Municipal e Corpo de Bombeiros registraram mais de 70 chamados.
O caso mais grave aconteceu na Estrada das Palmeiras, na entrada do bairro Ribeirão Verde. Um galho caiu sobre um carro, derrubando um poste e a fiação elétrica. Equipes da Coordenadoria de Limpeza Urbana e Corpo de Bombeiros tiveram que cortar e recolher os galhos após o desligamento da rede elétrica.
Também caíram árvores na avenida Rio Pardo, no Ipiranga; nas ruas Emília Graça de Souza, na Ribeirânia; Onze de Agosto, nos Campos Elíseos; Pontal, no Jardim Aeroporto; Dircinha Batista, no Jardim Paiva; entre outros.

Coordenadoria de Limpeza Urbana e Corpo de Bombeiros trabalham no corte de árvore que caiu sobre carro


A falta de energia elétrica prejudicou o funcionamento de vários semáforos. Foram atingidos sete cruzamentos semaforizados da avenida Independência, 10 cruzamentos na região central, oito na avenida Dom Pedro I, dois na Vila Seixas e seis na avenida Saudade.
No trânsito o apoio ficou por conta da Transerp, que colocou 21 agentes Civis de Trânsito nas ruas orientando os motoristas.
Já na avenida Álvaro de Lima, houve transbordamento do córrego atingindo a altura das calçadas das casas. Equipes da Coordenadoria de Limpeza Urbana trabalham na limpeza com caminhões pipa e caminhões caçamba para recolhimento de lixo.
Segundo a prefeita de Ribeirão, Dárcy Vera, a união de todas as secretarias municipais, da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e Policia Militar, é muito importante para atendermos a população. “A Prefeitura de Ribeirão Preto está em alerta e possui equipes disponíveis sempre que necessário em casos de emergências. Todas as secretarias estão preparadas para atender as urgências provocadas por fortes chuvas e ventos”, reforça a prefeita Dárcy Vera.

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto forma mais 470 alunos no Programa Educando para a Vida

Evento realizado pela Guarda Civil Municipal de Ribeirão Preto reúne alunos em projeto que defende a prevenção sobre as drogas e enaltece a importância da valorização familiar
Prefeita Dárcy Vera participa da solenidade de entrega de certificados para 470 alunos do Programa “Educando para a Vida”

Encerando as atividades propostas neste primeiro semestre, a Guarda Civil Municipal promoveu na tarde desta quarta-feira, dia 8 de junho, no Teatro Municipal, situado na Praça Alto do São Bento, a solenidade de entrega de certificados para 470 alunos do Programa “Educando para a Vida”. A prefeita Dárcy Vera participou do evento e reafirmou seu reconhecimento pela importância do trabalho preventivo contra as drogas junto aos alunos de (9 a 11 anos) das 4ªs séries da rede municipal de ensino. “O Educando para a vida é um aprendizado muito oportuno e que atende uma faixa etária adequada, num momento em que os alunos estão conhecendo melhor a vida e firmando suas personalidades”, destacou a prefeita.
Direcionado a um total de 16 turmas das Emeis Alfeu Gasparini, Dom Luis do Amaral Mousinho e José Rodini Luis, o “Educando para a Vida” tem o objetivo de trabalhar junto aos alunos com ações de prevenção ao uso de drogas lícitas e ilícitas e ressaltar a valorização dos vínculos familiares. O programa é resultado de um trabalho da Guarda Civil Municipal em parceria com a Secretaria Municipal da Educação e Associação Nacional de Prevenção ao Uso de Drogas (ANPUAD).
O Teatro Municipal ficou lotado com os estudantes que concluíram o projeto
Sob a responsabilidade do Guarda Civil Municipal Domingos Fortuna, os alunos receberam aulas/atividades quepreparam as crianças para enfrentar o mundo se prevenindo quanto à presença de drogas, direcionando-os para a importância dos laços familiares para a formação do jovem cidadão e ajuda ao próximo.
“Nesta Administração batemos o recorde de atendimento de crianças no projeto. Desde 2009 até agora o “Educando para a Vida” já atendeu 3.236 crianças da rede municipal de ensino. Esse trabalho é muito gratificante”, explica André Luiz Tavares, superintendente da Guarda Civil Municipal.

Durante o evento também foram sorteados vários brindes aos alunos, como bicicletas, DVDs, celular e bichos de pelúcia.
Também marcaram presença na cerimônia de entrega dos certificados, o vice-prefeito Marinho Sampaio; o secretário de Administração Marco Antônio dos Santos; a professora Helena Tarso Siqueira, representando a secretária da Educação, Débora Vendramini; a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Mara Pereira, a diretora do Teatro Municipal, Mara Cabral, e os vereadores Bertinho Scandiuzzi e Giló.

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Efetivo de 50 guardas municipais garante a segurança na Feira do Livro

O patrulhamento está em todos os pontos em que a 11ª edição da Feira Nacional do Livro acontece.

Por determinação da prefeita Dárcy Vera, foram escalados 50 guardas municipais para reforçar a segurança dos visitantes da 11ª edição da Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto


A segurança do público freqüentador da 11ª feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto está garantida. Cerca de 50 guardas municipais circulam por locais estratégicos em que acontece o evento.
A 11ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto está sendo realizada em vários locais, entre eles o Parque Ecológico Maurílio Biagi, Esplanada do Theatro Pedro II, Praça XV de Novembro e Praça Carlos Gomes, e contam constantemente com uma ação intensa que reúne cerca de 50 guardas civis municipais que reforçam a vigilância e segurança da Feira.
De acordo com o superintendente da Guarda Civil Municipal, André Tavares, “Os guardas municipais estão distribuídos em pontos estratégicos como entradas, saídas e interior da feira. Também permanecem pelo calçadão, enquanto as viaturas patrulham as adjacências do evento. Estamos empenhados a atender a Fundação Feira do Livro para garantir a população tranqüilidade durante suas compras, participação nos eventos culturais e nos shows artísticos que atraem enorme público”, destaca.
A Guarda Civil Municipal também colabora na segurança e travessia dos alunos que visitam a Feira diariamente e presta apoio à Fiscalização Geral no combate ao comércio ambulante ilegal.
Nesta edição, a Feira reúne cerca de 70 expositores em 16 mil m². Projeta-se que cerca de 500 mil pessoas devem visitá-la até o próximo domingo, 5 de junho. A feira oferece gratuitamente à população mais de 600 atrações, entre palestras literárias, encontro com escritores, shows, cinema, apresentações de teatro e dança, entre outras.