sábado, 10 de julho de 2010

Guarda Civil Municipal participou da solenidade alusiva aos 70 anos da 5ª Circunscrição de Serviço Militar

Solenidade comemora 70 anos da 5ª Circunscrição de Serviço Militar. Instituição do Exército Brasileiro é responsável pela fiscalização das Juntas do alistamento militar e licenciamento. Em Ribeirão Preto, a CSM, em parceria com a administração municipal, ainda participa de eventos, bem como ações solidárias
Uma solenidade realizada na tarde desta segunda-feira, dia 21 de junho, na Rua Duque de Caxias, nº 1255, no Centro, comemorou os 70 anos da 5ª CSM – (Circunscrição de Serviço Militar). A instituição do Exército Brasileiro é responsável pela fiscalização das Juntas do Alistamento Militar, Licenciamento e Mobilização no norte e nordeste do estado de São Paulo. Em Ribeirão Preto, a CSM, em parceria com a administração municipal, ainda participa de eventos, bem como ações solidárias.
Comandada pelo Coronel Fábio Antonio Baía Lira, que tomou posse em janeiro deste ano e permanece na função até janeiro de 2012, a CSM conta com um quadro de 50 funcionários e também presta atendimento médico, por meio de convênio para aposentados e pensionistas do Exército, fiscalização e autorização para utilização de produtos químicos.
André Luiz Tavares, superintendente da Guarda Civil Municipal, que representou a prefeita Dárcy Vera, cumprimentou os 70 anos da instituição que representa o serviço militar e ressaltou a importância das ações prestadas pela CSM no tocante a parcerias com o governo municipal e trabalhos solidários realizados em diversas regiões.
Entre as autoridades presentes na solenidade, estavam Francisco Lozzi, comandante do CPI3; Renato Catita, sub-comandante do CPI3; Salvador Loureiro, comandante do 51º Batalhão da PM; Hazime Nakamura, ex-chefe da 5ª CSM; Lindinalvo Almeida Filho, delegado chefe da Polícia Federal de Ribeirão Preto; Jovelino Barbosa, comandante do 9º Grupamento de Bombeiros; Flávio Camiran, sub-tenente e chefe do Tiro de Guerra, entre outras autoridades civis e militares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário